12 jan

Swiss Park Campinas é bom para quem busca mais saúde e comodidade!

Swiss Park Campinas é bom para quem busca mais saúde e comodidade!

Novo ano, novos hábitos, certo? Nas primeiras semanas do ano, muitas pessoas fazem aquela tradicional listinha de desejos que, frequentemente, termina soterrada pelas demandas do dia a dia. O Swiss Park Campinas é bom para não deixar que essas metas sejam esquecidas, com a infraestrutura e segurança para adotar hábitos mais saudáveis em todas as estações. 

Swiss Park Campinas é bom para começar ou manter uma rotina mais saudável.  

Ter uma rotina mais saudável é o desejo de muitas pessoas para começar bem o ano. Para quem não gosta ou está evitando os exercícios em ambientes fechados no momento, as atividades ao ar livre trazem benefícios para a saúde. Assim, além da questão estética, com a redução do peso, praticar caminhadas e exercícios ao ar livre fortalece os músculos, previne doenças e melhora o condicionamento físico.

Pedalar ou caminhar por meia hora diariamente é o suficiente para sair da faixa do sedentarismo e o Swiss Park Campinas é bom para quem gosta de se exercitar com segurança, já que além das quadras poliesportivas de cada Residencial, há trilhas de caminhadas e, recentemente, foi inaugurada a ciclofaixa que segue todo o canteiro central na Avenida Dermival Bernardes de Siqueira.

Contato com a natureza aumenta a longevidade.  

Diferente de outros bairros planejados ou condomínios, o Swiss Park Campinas é bom também para quem busca ter mais contato com a natureza: só o Parque Botânico no Swiss Park tem mais de 500 mil m² de área verde,  e apresenta uma nova trilha, o Horto Botânico, que conta com mudas de espécies botânicas raras.

O verde, nesse caso, não é apenas ornamento ou decoração, mas uma conexão que pode trazer benefícios reais ao dia a dia. Um levantamento da Harvard revelou que morar perto das áreas verdes está associado a uma maior longevidade e a um menor risco de enfrentar doenças respiratórias ou depressão. O motivo? Com espaços arborizados perto de casa as pessoas ficam estimuladas a manterem hábitos saudáveis e praticarem atividades ao ar livre. 

Nesse sentido, especialmente para as crianças, o Swiss Park Campinas é bom para ter uma infância ‘de antigamente’, com estrutura e segurança para que elas possam brincar e se exercitar fora dos aparelhos eletrônicos. Nas brincadeiras nos parques, quintais e jardins, elas podem desenvolver novas capacidades motoras e sociais, especialmente enquanto muitas escolas ainda seguem com restrições de aglomerações. 

Swiss Park Campinas é bom para quem busca mais comodidade na rotina.  

Ter mais comodidade na rotina é outro desejo que sempre aparece nas listinhas de começo de ano, especialmente para quem não gostaria de desperdiçar mais tempo em trânsito ou nas aglomerações dos grandes centros comerciais. Não por acaso, o comércio local foi ainda mais valorizado no ‘novo normal’, já que agiliza a rotina, oferece produtos frescos e ainda aproxima os moradores do bairro.

Swiss Park Campinas é bom para quem valoriza a comodidade e o comércio local, já que o bairro planejado conta com mais de 200 lotes comerciais para atender os moradores e quem trabalha no complexo. Hoje, há padarias, farmácias, restaurantes e comércios variados, além de uma feira livre com produtores regionais, toda sexta-feira de manhã.

Quer também ter todos esses benefícios para a sua família começar bem o ano? O Swiss Park Campinas tem os últimos lotes prontos para construir o projeto dos sonhos. Agende uma visita pelo WhatsApp!

Gostou dessas dicas e vai colocar em prática? Nos ajude a compartilhar esse recado. Vamos juntos? Compartilhe aqui 🔽

05 jan

Escolas em Campinas perto de casa? Conheça as opções do Swiss Park.

Escolas em Campinas perto de casa? Conheça as opções do Swiss Park.

Começo do ano é o momento ideal para planejar os estudos, tanto das crianças quanto daqueles que querem se aprimorar. Para quem está em busca de escolas em Campinas perto de casa, no Swiss Park há várias opções para crianças, adolescentes e adultos que querem retomar os estudos no próximo semestre, quer ver?

Escolas em Campinas: conheça as opções do Swiss Park! 

Colégio RDS Swiss Park

Já com tradição no setor de educação, o Colégio Raphael Di Santo é uma das escolas em Campinas bem conhecida pela qualidade de ensino. A nova unidade no Swiss Park oferece desde educação infantil (a partir dos 2 anos) ao Ensino Médio.

Entre os diferenciais do RDS Swiss, está a vivência em língua inglesa com 5 horas/aula por semana até o nono ano e o programa Maker Nave à Vela na grade, para formação de inovadores. Há ainda o desenvolvimento de competências socioeconômicas com encontros semanais – Programa Pleno.

Bem avaliada pelos pais e alunos que estudam nas outras unidades em Campinas, as turmas no Swiss Park já estão com matrículas abertas.

Turmas abertas: 2 anos de idade até a 3ª série do ensino médio (períodos manhã e tarde).  

⏰ Horário de Funcionamento:
O atendimento presencial ocorre das 8h às 18h até o início das aulas.
Em período de aulas, das 6h30 às 19h.

📍 Endereço:
Avenida Dermival Bernardes Siqueira, 2026 – Swiss Park.

📞 Canais de Atendimento:
WhatsApp: (19) 99252-2198
Fixo: (19) 3113-4200.
Site: https://rdsswiss.com.br/ 


Kumon 

Presente em mais de 50 países e há 40 anos no Brasil, o Kumon é um método de estudo desenvolvido no Japão pelo professor de matemática Toru Kumon, em 1954. Como uma expansão do conteúdo oferecido nas escolas em Campinas, hoje o Kumon vai além das habilidades nos cálculos e é aplicado em outras disciplinas e no ensino de idiomas, com o objetivo de desenvolver a autonomia dos alunos. 

Um dos diferenciais do método é justamente estimular o ensino autônomo, em que o aluno avança no seu ritmo e consegue resolver sozinho os exercícios propostos. Ideal tanto para aquelas crianças e jovens que precisam de mais concentração, quanto aquelas que já se destacam na escola e querem se preparar para os desafios futuros. 

⏰ Horário de Funcionamento:
Contate para agendar o atendimento.

📍 Endereço: 
Aveninda Dermival Bernardes Siqueira, 3288 – Swiss Park.

📞 Canais de Atendimento:
Telefone: (19) 2512-3719
WhatsApp: (19) 98829-9013
Instagram: @kumonswisspark

 

Yázigi Swiss Park

Aprender outros idiomas abre muitas possibilidades que vão além do aspecto profissional. Conseguir se comunicar em viagens, palestras, reuniões, entrevistas ou mesmo nos momentos de lazer é um diferencial que dá muito mais autonomia. 

No Swiss Park, a Yázigi já oferece cursos de Inglês (a partir dos 3 anos de idade) e Espanhol (a partir dos 13). Há também cursos mais específicos, como o Business, em que o inglês é voltado para a rotina corporativa, o certificado TOEIC voltado principalmente para o ambiente profissional e reconhecido mundialmente e o certificado TOEFL ITP, por ser um teste acadêmico, pode ser utilizado por alunos que queiram monitorar sua evolução no idioma e, principalmente, para quem irá participar de programas de intercâmbio acadêmico.

A conhecida franquia, uma das pioneiras no ensino de idiomas, atua há 70 anos no Brasil e está presente em mais de 180 cidades em 24 estados. Para estimular os futuros alunos, há até um teste de inglês gratuito on-line.

Turmas abertas:
SEG-QUA, TER-QUI, SÁBADOS – na parte da manhã. 

⏰ Horário de Funcionamento:
Segunda a Sexta, das 9h às 20h.
Sábado, das 9h às 12h. 

📍 Endereço:
Avenida Dermival Bernardes Siqueira, 4252 – Swiss Park.

📞 Canais de Atendimento:
WhatsApp: 19 99139-4250
Fixo: 19 3365-4004
Site: https://www.yazigi.com.br/swiss-park 

Promoção 2021:
Mensalidade R$ 290,00 e cursos de férias com início no dia 11 de janeiro. 

 

School Of Rock

Agora para quem quer começar o ano com um novo hobby, a School Of Rock vai além de uma das escolas em Campinas com foco em música, já que fora os conceitos técnicos dos instrumentos e canto, ainda há a possibilidade de praticar em bandas, com apresentações em grupo.

Na avaliação dos alunos, além das habilidades musicais, treinar na School of Rock também trouxe mais contatos sociais, autoestima e disciplina, sendo uma excelente oportunidade de conhecer novas pessoas que também amam música, independentemente da idade. 

A unidade do Swiss Park atende alunos a partir dos 3 anos (não há limite máximo de idade) e os programas oferecidos incluem: Musicalização Infantil (até os 6 anos), aulas individuais do instrumento desejado a partir de 7 anos (Vocal, Violão, Guitarra, Baixo, Bateria, Teclado e Gaita) e práticas com bandas, também a partir dos 7 anos, seguindo todos os protocolos sanitários exigidos para a segurança dos alunos.

Turmas abertas: As matrículas podem ser realizadas em qualquer período do ano.

Horário de Funcionamento:
Segunda à Quinta 11h00 – 22h00
Sexta 08h30 – 17h30
Sábado 08h00 – 13h00

📍 Endereço:  
Avenida Dermival Bernardes Siqueira, 1934, 1º andar – ao lado do Residencial Zermatt, Swiss Park. Campinas/SP

📞 Canais de Atendimento: 
Whatsapp: (19) 9 7114-9068
Fixo: (19) 2219-2514
E-mail: swisspark@schoolofrock.com

30 dez

O que é o IGP-M e como ele afeta o mercado imobiliário?

O que é o IGP-M e como ele afeta o mercado imobiliário?

De tão utilizado no setor imobiliário, o IGP-M muitas vezes é conhecido como ‘taxa do aluguel’, mas sua importância vai além do segmento, sendo uma referência da economia brasileira. Entender o que é o IGP-M, portanto, é entender mais também sobre as suas finanças. 

Como é calculado o IGP-M?

O IGP-M é calculado mensalmente pelo Instituto Brasileiro de Economia da FGV, sendo amplamente utilizado como uma base para reajuste de aluguéis e financiamentos direto com as construtoras e incorporadoras. Composto por três outros indicadores econômicos, PA-M, IPC-M e INCC-M, os preços de todo o país são coletados e analisados para realizar o cálculo. 

O levantamento de dados se inicia no dia 21 do mês anterior e vai até o dia 20 do mês de referência. Assim, o IGP-M de novembro de 2020, por exemplo, é calculado no período de 21 de outubro a 20 de novembro. 

Além da importância no reajuste de contratos de aluguel, o IGP-M também funciona como um dos termômetros da economia, já que é muito suscetível à variação dos preços de commodities e do câmbio. Em situações de crise, portanto, o índice funciona como um indicador macroeconômico, que dá uma noção do estado atual da economia brasileira e da inflação.

Como o IGP-M influencia nas minhas finanças? 

Mesmo que você não tenha muita experiência com finanças e economia, é o IGP-M que, normalmente, indica o reajuste nos contratos de aluguel ou nos financiamentos direto com incorporadoras e construtoras, por exemplo. 

Por ser influenciado pelas variações do preço das commodities (que têm os valores cotados em Bolsas no exterior e, portanto, atrelados ao dólar), o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) apresentou a maior variação em 12 meses dos últimos 17 anos em 2020 e atingiu 24,52% de inflação acumulada em relação à 2019. As variações do índice, porém, já apresentaram valores negativos anteriormente. 

Nesse sentido, é necessário esclarecer duas dúvidas muito comuns sobre o tema. Primeiro, o IGP-M não é calculado pela própria incorporadora ou imobiliária e também não tem relação com os juros, apesar de muitas vezes serem confundidos. No caso do financiamento, quanto você fecha o contrato, há um valor fixo e ele é corrigido pelo IGP-M.

Acompanhar as variações do IGP-M, portanto, te ajudam a ter um melhor planejamento financeiro e prever os reajustes, que nem sempre acompanharão a inflação medida pelo governo. Para acompanhar as variações, você pode verificar as publicações mensais no Portal IBRE (Instituto Brasileiro de Economia), da FGV. 

29 dez

5 dicas para renovar a decoração com praticidade.

5 dicas para renovar a decoração com praticidade.

Para muitas pessoas, a quarentena demonstrou como ter uma casa bem confortável é importante e pode bater a vontade de renovar a decoração dos ambientes. Com pequenas mudanças, grandes diferenças já são possíveis, sem nem precisar gastar muito ou buscar novas peças, quer ver?

5 inspirações para renovar a decoração:

  1. Organização faz MUITA diferença. 

Antes de tudo, inspire-se no estilo minimalista para descartar itens e fazer aquela organização geral nos armários, gavetas, closets. Livre-se de produtos vencidos, como maquiagem, cosméticos, remédios e também das roupas, eletrodomésticos e acessórios que estão parados e podem ser vendidos ou doados. Você vai descobrir que tinha mais espaço que imaginava para renovar a decoração

Reprodução/Pinterest
  1. O poder dos acessórios. 

Nem é necessário mudar os móveis que você já tem: é possível renovar a decoração apostando em acessórios que trazem vida e conforto aos ambientes como novas almofadas, tapetes e cortinas. Se o ambiente já for mais neutro, esses itens podem trazer mais cores e texturas para os cômodos, dando um novo aspecto. 

Reprodução/Pinterest
  1. Um raio de luz

A iluminação também muda totalmente a dinâmica dos ambientes: abuse da iluminação indireta com abajures, luminárias de chão, arandelas e pendentes. Você vai se surpreender como investir na iluminação deixa o cômodo ainda mais confortável e aconchegante. 

Reprodução/ Pinterest
  1. Cada cantinho, uma memória.

Outra maneira prática de renovar um ambiente é decorá-lo com boas memórias, como porta-retratos, lembranças de viagens, presentes de amigos, artesanatos e acessórios que são heranças de família. Esses objetos sempre trazem uma sensação boa aos moradores e ajudam a contar a história da família.

Reprodução/Pinterest
  1. Toque Verde. 

Para acrescentar cor ao ambiente sem precisar pintar a parede ou aplicar papel de parede também é possível contar com a beleza das plantas. Além de mudar vasos de lugar, na hora de organizar os vasinhos, é tendência em distribuir o verde por alturas diferentes. Caso tenha mais espaço disponível, confira nossas dicas de jardinagem para iniciantes.

Reprodução/ Pinterest

Inspirado para mudar os ambientes? Marque a foto do antes e depois com @swisspark nas redes sociais, vamos adorar acompanhar as ótimas referências!

Para quem deseja construir o projeto dos sonhos e fazer uma decoração super pessoal, o Residencial Glarus no Swiss Park tem os últimos lotes prontos para construir, de 360 à 970m². Agende uma visita pelo WhatsApp!

17 dez

Mantenha a sua família protegida no fim de ano.

Mantenha a sua família protegida no fim de ano.

Tradicionalmente, o fim do ano é uma época muito aguardada pelos reencontros, celebrações das metas superadas e os planos para os próximos meses. 

Em 2020, porém, ao mesmo tempo que ver as luzes de Natal piscando entre as casas nos dá o conforto da celebração, também acendem um alerta: a pandemia ainda não terminou e as medidas preventivas devem ser respeitadas até que haja um tratamento ou campanha de imunização eficiente. 

Um fim de ano atípico: sem aglomerações nas comemorações.

Após meses de quarentena, é normal sentir-se cansado das medidas restritivas, com saudade dos encontros sociais e com muita vontade de celebrar a superação dos desafios que apareceram em 2020. 

Especialistas, entretanto, indicam que as flexibilizações e os constantes registros de aglomerações se tornaram um sinal vermelho para as reuniões de fim de ano. “Segundo os especialistas, não há dúvida de que essa alta dos casos esteja relacionada a um maior relaxamento das pessoas em relação às medidas de proteção e a ida a bares, festas e grandes aglomerações”, indica a reportagem da Folha de São Paulo.

Como resultado, muitas famílias trocarão as viagens, passeios e grandes festas, por celebrações mais íntimas, apenas com os amigos e familiares próximos. De acordo com a pesquisa do HIBOU e Score Group, 79% dos brasileiros passarão o natal em casa, 65% não viajarão no ano novo e 48% não pretendem nem participar das confraternizações do trabalho. 

Mesmo dentro de casa, entretanto, é importante reforçar os cuidados, uma vez que ambientes fechados, proximidade física entre os convidados e a aglomeração pode representar uma probabilidade maior na transmissão do coronavírus. 

Como se proteger nas celebrações de fim de ano? 

Ao longo do ano, acompanhamos na mídia casos em que encontros sociais acabaram provocando uma disseminação da COVID-19 entre os convidados. Na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, uma reunião familiar com dezenas de pessoas se tornou um caso de estudo: sem o uso de máscara e pouco distanciamento, 14 convidados testaram positivo para COVID-19 e, no período de 16 dias, contaminaram mais 27 indivíduos de nove famílias diferentes, em oito locais de trabalho distintos. 

Portanto, caso sinta alguns dos sintomas da COVID-19 ou esteja aguardando o resultado do teste, não compareça aos eventos de fim ano. Especialmente para pessoas consideradas do grupo de risco, os cuidados com a higienização, a redução nas saídas e os encontros com pessoas fora de casa devem ser constantemente avaliados neste período. 

Assim, mesmo as confraternizações de Natal e Ano Novo devem se adaptar ao ‘novo normal’. Apesar de não haver uma indicação exata de quantas pessoas podem participar, a recomendação da Cartilha da Fiocruz é reduzir a lista de convidados ao máximo, para que o distanciamento social de 2 metros seja respeitado. 

Como o risco de contaminação também aumenta nos ambientes fechados, troque a ceia na sala de jantar por uma celebração ao ar livre, se possível, valorizando os espaços bem ventilados, como os quintais e varandas. Até o cardápio pode ser ajustado para evitar riscos: ao invés de grandes bandejas compartilhadas para as pessoas se servirem, pense em refeições, entradas e doces que possam ser servidos em porções individuais.  

Máscara: necessidade ou exagero? 

Neste ano, até o Papai Noel não deve esquecer a máscara. Em entrevista para o podcast Café da Manhã, da Folha, a infectologista Rosana Richtmann indica que é um equívoco retirar a máscara ao chegar na casa dos familiares ou abaixar a proteção para conversar com os amigos, por exemplo. A recomendação, portanto, é que se utilize as máscaras enquanto estiver nas confraternizações e só retire a proteção (pelas laterais), quando for comer ou beber. 

Psicólogos indicam que o tema pode até se tornar uma nova polarização, mesmo entre a familiares, com pessoas que desejam seguir com as medidas preventivas nos eventos sociais e outras que defendem que o risco da pandemia já terminou. Mais do que nunca, essa decisão deve partir de uma avaliação pessoal dos riscos e consequências. 

“Nem precisa chegar o Natal, as pessoas não deveriam esperar as medidas mais restritivas vindas do governo. Cada um já deveria ter a consciência diante das informações que estão sendo divulgadas que a coisa mudou e a gente precisa voltar algumas casas, com as medidas de proteção”, indicou Cláudia Collucci, repórter da Folha especializada em saúde no podcast Café da Manhã. 

Ao fim, mesmo que esse fim de ano seja mais íntimo e familiar, o sentido da celebração deve ser preservado, com a união e esperança de um ano mais próspero. Não é fácil e talvez seja diferente do planejado, mas esse último grande esforço pode fazer a diferença entre seguir com a família protegida ou colocar a perder todos os sacrifícios que já fizemos na pandemia.

Quanto mais protegermos quem amamos agora, mais cedo poderemos reuni-los depois, com segurança.  

Para saber mais: 
Cartilha Cuidados do Fim de Ano da Fiocruz
Podcast Café da Manhã, da Folha, com a infectologista Rosana Richtmann
Podcast Café da Manhã, da Folha, com Cláudia Collucci, repórter especializada em saúde.

Gostou dessas indicações? Ajude a compartilhar esse texto nas redes sociais ou no WhatsApp 🔽

15 dez

Capriche na decoração para o fim de ano.

Capriche na decoração para o fim de ano.

Procurando inspirações na decoração para o fim de ano? Com elementos práticos e fáceis de encontrar perto de casa, separamos algumas soluções criativas para receber os convidados no Natal e no Ano Novo, confira! 

Decoração para o fim de ano: diferença nos detalhes. 

Em meio à pandemia do novo coronavírus, muitas famílias trocaram os planos de grandes ceias e viagens por celebrações mais íntimas, sem sair de casa. Apesar da situação diferente, não é necessário abandonar a decoração para o fim de ano e manter um clima mais festivo nos ambientes.

O Pinterest, inclusive, indicou que ao redor do mundo as buscas por referências nas festas de fim de ano, que normalmente só começam em setembro, este ano começaram bem mais cedo, ainda em abril, com um aumento de 77% comparado aos anos anteriores. 

Nem é necessário investir muito ou mudar a decoração dos ambientes. Bexigas (ou balões), são opções fáceis, simples de encontrar e que dão um clima de festa para qualquer decoração para o fim de ano. Há até opções personalizadas, com frases e ilustrações, que podem deixar sua casa bem decorada.

Reprodução/ Pinterest
Reprodução/Pinterest

Falando nisso, não esqueça que na decoração para o fim de ano, as mesas das ceias são o centro das celebrações. Aposte nos brilhos, louças especiais e até guardanapos temáticos que são elementos que já dão um clima natalino ou de virada de ano. Com a ceia bem decorada, qualquer prato fica ainda mais apetitoso.

Reprodução/Pinterest


Reprodução/Pinterest

Itens simples, velas e castiçais também ajudam a criar um tom mais íntimo e fora do dia a dia, que traz mais aconchego na decoração para o fim de ano. Para manter a celebração em segurança, se não tiver castiçal ou porta-velas, experimente colocá-las em potes ou garrafas de vidros decorados.

Reprodução/Pinterest
Reprodução/Pinterest

Para finalizar, arranjos com folhagens e flores também são sempre bem-vindos na decoração para o fim de ano, especialmente como ornamentos das mesas. 

Reprodução/Pinterest
Reprodução/Pinterest

Para facilitar nas escolhas na decoração para o fim de ano e deixar todos os ambientes harmônicos, escolha tons dominantes. Se optar pelo clássico (e sem erro), vermelho/verde combina muito com o natal e a combinação prata/dourado nos remete ao brilho do réveillon. Para te inspirar, na Revista Swiss Park também temos dicas de decoração e de compras com comércios perto de casa. 

Se inspirou para fazer reuniões marcantes, mesmo que diferente? Não esqueça de marcar o @swisspark nas redes sociais, vamos adorar compartilhar seus cliques nas festas do fim do ano. 

Para quem deseja construir o projeto dos sonhos para decorar no próximo ano, o Residencial Glarus no Swiss Park tem os últimos lotes prontos para construir, de 360 à 970m². Agende uma visita pelo WhatsApp!