28 maio

Swiss Park Campinas é o residencial mais desejado – Correio Popular

Swiss Park Campinas é o residencial mais desejado – Correio Popular

Complexo, que ocupa cinco milhões de metros quadrados e atualmente reúne quase 2,3 mil residências, fica em um local de valorização e prosperidade.

Para quem conhece a estrutura do Swiss Park Campinas, é fácil compreender os fatores que fazem do complexo um local de valorização e prosperidade. Para a maioria dos campineiros que acompanha o desenvolvimento que tanto chama a atenção do mercado imobiliário, o Swiss Park é reconhecidamente sinônimo de morar bem. Trata-se de um dos bairros mais desejados para se residir na cidade, comprovado até mesmo em pesquisa realizada pelo portal ImovelWeb.

“Quem conhecia a proposta na época do lançamento, em 2006, já percebia que era uma ideia genial”, conta José Bárbaro, diretor comercial da imobiliária do Swiss Park. De lá para cá, passados 13 anos, o empreendimento se transformou e firmou sua característica que o liga diretamente à segurança e à qualidade de vida, além da natureza disponível para toda a população moradora do local. São quase 2,3 mil casas e há ainda cerca de 600 obras em andamento, que apontam a movimentação em ritmo acelerado. O mapa do Swiss Park, que ocupa 5 milhões de metros quadrados, tem 17 residenciais fechados, sendo que 16 já foram lançados comercialmente. O foco da comercialização do time de vendas é no residencial Glarus, que tem mais de 50% dos seus terrenos vendidos.

Atualmente, as obras e casas prontas apontam o belo cenário modificado a cada dia. Afinal, o Glarus está no ponto mais alto do Swiss Park. Os visitantes do plantão de vendas se encantam com a visão geral que têm de todo o complexo e o ângulo privilegiado para os lagos naturais e para o Parque Botânico. Além disso, o Glarus fica próximo da torre do Relógio, na entrada do complexo. “Com todos esses pontos fortes, o empreendimento, contrariando o momento ainda desafiador da economia do País, teve valorização, e isso aponta o quanto o Swiss Park é surpreendente. Desde o dia em que foi lançado, em nenhum momento a valorização se perdeu ou estacionou”, comemora José Bárbaro.

Importante lembrar que no lançamento do Swiss Park, há 13 anos, um terreno de 360 m² era vendido a R$200 o metro quadrado. Os números apontam uma valorização perto de 450% no valor de venda dos terrenos desde o lançamento até hoje. “Mencionar esta valorização do complexo é um diferencial enorme que mostra a importância do Swiss Park, e isso só afirma a satisfação de quem já mora aqui”, constata Bárbaro. O diretor aposta que o setor imobiliário como um todo está entrando em um novo ciclo de crescimento e, certamente, é preciso ainda mais confiança do consumidor para uma aquisição a longo prazo, como um imóvel.

“O momento geral é de expectativa e sabemos que teremos mais aquecimento para quando melhorarem as taxas de emprego”, comenta. De toda forma, o número de visitas no plantão de vendas de pessoas interessadas e de negócios não diminuiu. A comercialização dos lotes é feita diretamente com a incorporadora. “Os benefícios são vantajosos e não há necessidade de comprovação de renda”, diz. Os planos de pagamento vão desde à vista, com desconto, até a opção de um sinal de 20% e o restante dividido em até 144 meses. E a incorporadora presenteia com a lavratura da escritura e do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI).

Comodidade de Comércios e Serviços no complexo:                                                             .
Uma das vantagens de morar no Swiss Park é ter toda a comodidade de comércios e serviços necessários no dia a dia. São empresas dos mais variados segmentos como padarias, restaurantes, hortifruti, minimercado, lojas de roupas, de carros, farmácia, academias, salões de beleza, pet shop, bares, lanchonetes, contemplando mais de 50 estabelecimentos comerciais já em funcionamento. “Tudo às portas de casa, com conforto e comodidade para os moradores”, aponta o diretor comercial. Há mais obras em andamento na área comercial do complexo e outras empresas trarão ainda mais diversidade para a gama de serviços oferecidos, inclusive com a expectativa da abertura de uma escola, em 2020.

16 mar

Entregas do Swiss Park Campinas começaram há dez anos

Entregas do Swiss Park Campinas começaram há dez anos

Zürich, Baden, Luzern e Lauerz já tinham obras em 2008. Cenário de sucesso se confirmou em todo o complexo nesta década

2018 será marcado pelos dez anos das primeiras entregas de residenciais no Swiss Park. Logo após o lançamento do empreendimento, dois anos antes, os primeiros proprietários do complexo começaram a receber seus terrenos para iniciar suas obras. Zürich, Baden, Luzern e Lauerz foram entregues em 2008. E, de lá para cá, o número de casas só aumenta, a cada ano (veja o número de casas ao lado).

Os residenciais eram entregues com a portaria com controle de acesso em funcionamento, muros de proteção perimetral e guarita blindada como apoio. Também estavam finalizadas a sede social, com salão de festas, quadra poliesportiva, paisagismo completo, muros de divisa com três metros de altura em alvenaria e iluminação. As primeiras assembleias de entrega eram realizadas nos salões de festa e a expectativa era grande para o início das obras de casas no complexo. Muitas famílias já estavam com seus projetos arquitetônicos em mãos e os canteiros de obras começavam nesses quatro residenciais.

Tudo estava nascendo no Swiss Park. Os 49,5 quilômetros de ruas complementadas por três grandes avenidas arborizadas e os 140 quilômetros de guias e sarjetas estavam praticamente prontos. O reservatório de água potável do complexo – com capacidade para três milhões de litros –, os 87,2 quilômetros de redes de coleta de esgoto e os 52 quilômetros de rede de distribuição de energia elétrica estavam à disposição dos primeiros moradores. “As assembleias de entrega dos residenciais apontavam que as obras das casas começariam rapidamente. Os futuros moradores estavam entusiasmados com o conceito do complexo e com a possibilidade de morar no local onde sempre sonharam”, lembra o diretor da Swiss Park Incorporadora, Ricardo Anversa.

Até o fim de 2008, estavam lançados no mercado 11 residenciais. A maioria deles estava 100% vendida. Alguns foram comercializados por completo em apenas um fim de semana. “Quem chegava aos nossos plantões se encantava com a proposta. Era muita gente em busca do projeto que oferecíamos, principalmente nesta área da cidade; então, o crescimento foi rápido. Mas, para nós, não foi uma surpresa. Tínhamos certeza deste cenário. Nossa experiência mostrava que o Swiss Park teria, sim, o sucesso que se confirmou em toda essa década”, conta o diretor.

Desde o lançamento, passando por esse período de entregas e até hoje a valorização dos terrenos, assim como a suntuosidade das residências construídas no complexo fazem do Swiss Park um empreendimento único, que continua chamando a atenção do mercado imobiliário. “Sabemos que o complexo contribuiu para a expansão econômica de toda essa região da cidade. Um empreendimento sustentável, com uma iniciativa ecologicamente correta, com respeito às regras de urbanismo e do meio ambiente, só tinha de crescer e se transformar no que podemos admirar hoje, depois de dez anos”, acrescenta.

 

Residências prontas nos residenciais entregues em 2008:

Zürich: 96

Baden: 251

Luzern: 281

Lauerz: 128